27.9.07

Mantra

Acostuma-te com os dias que não são mais teus.




9 comentários:

inutilia sapiens disse...

"...Acostuma-te à lama que te espera!
O Homem, que, nesta terra miserável,
Mora, entre feras, sente inevitável
Necessidade de também ser fera.

Toma um fósforo. Acende teu cigarro!
O beijo, amigo, é a véspera do escarro,
A mão que afaga é a mesma que apedreja.

Se a alguém causa inda pena a tua chaga,
Apedreja essa mão vil que te afaga,
Escarra nessa boca que te beija!"

me fez lembrar o grande augusto dos anjos, poeta incompreendido...
bela frase, moça.
beijos e ladrilhos!
=)

Alê Namastê disse...

Quando nada é certo tudo é possível.

Myla_angel disse...

..Que um uma hora os ventos trarão tempos melhores!
Otimismo, ou mania de qerer que tudo seje bom? perfeito?




Ahh, talvez seje, mas é tão cruel ter que se acostumar...







Rios de sucesso!

:*

ki-colado disse...

Os dias sempre pertenceram a Deus.

Dani disse...

Oi moça, saudades dos seus posts. Voltou com tudo, template novo, coisa boa!!!!
Esse mantra foi pesado, eu, estando no lugar do outro, não gostaria de lê-lo, rsrs
Boa semana.

Rafael Velasquez disse...

Om shanti, shantim shanti...

deixo eles com o passado para que cuide bem ou jogar tudo no lixo.

beijo.

L.S. Alves disse...

Largar o passado é difícil!

SACANITAS disse...

como se fosse facil...

ai ai

um xero
.
.
.

Deco disse...

Ousada com sempre! Estou de volta... Apare�a! Bjoo